Dica de Oratória: garantindo a atenção do público com a organização do conteúdo

Uma das coisas que todo orador almeja é que as pessoas se recordem de sua apresentação. Quem de nós nunca se viu em uma palestra, um curso, uma reunião ou mesmo uma conversa onde nos esquecemos de grande parte do que foi tratado?

A menos que haja por parte do espectador um esforço muito grande em manter atenção ao longo de todo evento, é geralmente responsabilidade do orador manter as pessoas atentas e aptas a recordarem-se do que foi dito. 

Uma apresentação pode ter um excelente conteúdo, mas estar estruturada de uma forma desorganizada, não permitindo que o público se interesse e compreenda a mensagem que deveria ser transmitida.

Uma boa referência para estruturar uma apresentação é compreender uma noção básica, de que ela deve ter uma introdução, um desenvolvimento e uma conclusão, devendo o orador ter bem claro o que cabe a cada um destes períodos.

estrategia-estrutura-do-site

 

INTRODUÇÃO

Este é o momento em que devemos apresentar qual será o tema da palestra ou evento em questão e é oportuno para tentar mostrar ao público como o tema pode ser interessante. Estima-se que é neste momento que se garante que o público continue atento do início ao final. Devemos também ser breves, evitando todos os detalhes que não sejam necessários. Caso esta etapa se estenda por muito tempo, será extremamente cansativa para quem a assiste.

DESENVOLVIMENTO

No desenvolvimento, devemos tratar do conteúdo propriamente dito, tratando de todos os detalhes e informações necessários à compreensão do assunto. Esta é a maior fase da apresentação, quase que sua totalidade.

CONCLUSÃO

Neste momento devem ser amarradas todas as pontas soltas e recapitulado os principais pontos, para que o orador passe às considerações finais. Neste ponto encerramos a apresentação e abrimos espaço para perguntas, devendo novamente o interlocutor ser breve – com exceção, talvez, do momento destinado as questões dos participantes.

Ainda que pareça um modelo muito básico, muitas pessoas não utilizam esta estrutura e a compreensão dos espectadores fica prejudicada. Quando utilizamos esta forma de organizar o conteúdo, deixamos de cometer muitos dos erros que podem levar os espectadores ao desinteresse ou à incompreensão de nossa palestra, curso, ou outro tipo de evento.

Clique aqui para conhecer o curso oratória e a Arte de Convencer.
Confira as próximas datas de nossos cursos clicando aqui!

 

Deixe uma resposta