Como melhorar sua memória sem fazer esforço

curso_memorizacao_leitura_dinamica_curiosidade

Você é curioso? Um estudo da Universidade da Califórnia, divulgado na revista Neuron, aponta que ser curioso é o passo inicial para impulsionar as suas habilidades de memória e aprendizagem.

Como descobriram isso?

A pesquisa utilizou ressonância magnética para entender melhor como funciona esse processo. Observou-se que a curiosidade traz benefícios à capacidade de memorização.

Os participantes foram avaliados por meio da ressonância magnética, enquanto eram feitas perguntas triviais. Nesse momento os pesquisadores pediram para os participantes avaliarem seus níveis de curiosidade pela resposta. Por exemplo, “Por que o céu é azul?”, o que o participante indicava era o nível de curiosidade por essa resposta.

Depois foram mostradas aos participantes outras perguntas, fotos de rostos neutros com 14 segundos de pausa, e então, seguido das respostas relacionadas à pergunta. Na terceira parte do teste, os participantes fizeram uma espécie de teste de memória.

Durante os testes, os participantes que demonstraram curiosidade a respeito de certo tema, lembraram-se das informações com mais facilidade, inclusive sobre assuntos que não eram relacionados.

O que a ressonância mostrou foram atividades intensas na região do cérebro ligadas à recompensa e ao prazer.

No nível de aprendizado, ser curioso durante o estudo também mostrou um pico de atividade no hipocampo, região que trabalha a formação de novas memórias.

O que esperar para a sua memória?

Segundo o pesquisador Matthias Gruber, “A curiosidade pode colocar o cérebro em estado que permite aprender e reter qualquer tipo de informação – como um turbilhão que suga o que você está motivado para aprender – e também tudo em torno dela”.

O resultado desse estudo pode guiar novos métodos de ensino e aprendizagem, tanto para pessoas saudáveis, quanto para quem possui doenças neurológicas.

Fonte.

Deixe uma resposta