O poder da imaginação para a oratória

A imaginação, diferente do que pode parecer, não se trata de criar fantasias, ilusões ou devaneios, mas sim de algo muito mais prático e concreto.

A imaginação é uma faculdade de nossa mente que esta relacionada ao futuro (em oposição à memória, ligada ao passado).

Quando já sabemos que vamos enfrentar uma situação difícil (seja uma palestra para dali a um mês ou uma reunião que será feita no mesmo dia) devemos nos imaginar passando pela situação em questão, criando como um filme mental nos mínimos detalhes possíveis: o que devemos dizer? Que gestos e expressões devemos usar? Que erros não podem ser cometidos?

 

Fazendo este exercício corretamente, o orador estará preparado para o momento do evento e terá claro em sua mente quais os principais erros que devem ser evitados, assim como pontos sobre os quais não deve esquecer de falar.

Dessa forma, se torna mais fácil realizar uma boa apresentação.

Clique aqui para saber mais sobre o curso Oratória e a Arte de convencer.
Clique aqui para ver os depoimentos dos participantes do curso.

Deixe uma resposta