7 atividades que deixarão você mais inteligente

curso_memorizacao_leitura_dinamica_aegis_florianopolis_fique_mais_inteligente

Por um longo tempo, acreditava-se que as pessoas simplesmente nasciam com certo “nível” de inteligência e deveriam viver o resto de suas vidas aceitando seu “potencial”.

Parece que as coisas estão mudando.

Agora os cientistas descobriram que é possível aumentar nosso potencial e ainda se divertir com esse processo. O site Entrepreneur listou 7 atividades, que todos nós podemos fazer para otimizar nosso cérebro.

A explicação é que, ao aprender novas habilidades, nosso cérebro cria conexões neurais para otimizar suas funções e também ser mais ágil.

Ficou curioso? Então confira a lista:

1. Tocar um instrumento musical

Tocar um instrumento ajuda na criatividade e em habilidades como linguagem, matemática, coordenação motora, pensamento analítico, entre outros. Alguns acreditam que a prática de esportes em equipe também tem o mesmo efeito.

A explicação é que nessas atividades, a região que conecta os hemisférios do cérebro é estimulada, criando novas conexões.

Um estímulo a essa região tende a melhorar nossas habilidades de memória, solução de problemas e as funções do cérebro em geral. E o melhor: independente da sua idade.

2. Ler qualquer coisa

Não importa se você lê Machado de Assis ou Harry Potter (ou até mesmo este texto), seu cérebro estará sendo beneficiado de alguma forma. Isso acontece, pois, o hábito de leitura reduz o estresse e isso faz você se sentir melhor.

Além disso, ler também aperfeiçoa três tipos de inteligência: cristalizada, fluida e emocional. Sem entrar em detalhes, podemos dizer que as três juntas ajudam a solucionar problemas, uma vez que seu trabalho em conjunto capta padrões no dia a dia e, posteriormente, junta tudo para que você tenha seus insights.

3. Exercícios regulares

Sabia que exercícios regulares são mais eficientes para nossa saúde do que exercícios mais pesados uma ou duas vezes por semana? Atividades diárias inundam as células com uma proteína que ajuda na memória, aprendizagem, foco, compreensão e concentração.

Por outro lado, se você fica muito tempo sentado, é melhor mudar de hábito. Alguns cientistas acreditam que isso dificulta o funcionamento do cérebro.

4. Aprender uma nova língua

Aprenda uma nova língua para otimizar sua memória. Uma pesquisa indicou que pessoas bilíngues são melhores resolvendo quebra-cabeças.

Aprender uma nova língua melhora o desempenho do cérebro para realizar certas tarefas, como planejamento e solução de problemas. Além disso, ser bilíngue também auxilia no foco e atenção.

5. Repetir o que foi estudado

Muitas vezes estudamos intensamente para uma prova e tempos depois não lembramos mais do conteúdo. Isso acontece, pois dificilmente – ou nunca – repetimos o que aprendemos.

Estudar um novo idioma deixa você mais inteligente, pois trabalha com o aprendizado cumulativo. Após repetir o mesmo assunto várias vezes, acabamos assimilando de forma mais profunda. A dica é aplicar isso no seu dia a dia, seja no trabalho, na escola ou em qualquer outro contexto necessário.

6. Exercitar seu cérebro com jogos

Sudoku, quebra-cabeças, enigmas, jogos de tabuleiro, vídeo games, jogos de cartas e outras atividades semelhantes estimulam a neuroplasticidade, ou seja, a capacidade do cérebro se remodelar para aprender coisas novas.

Esses jogos nos ensinam novos padrões e melhoram nossas habilidades cognitivas.

7. Meditação

Inúmeros estudos sugerem que a meditação traz benefícios para o cérebro. Segundo um estudo em particular, a meditação ajuda a controlar as ondas cerebrais para nos sentirmos como quisermos. Isso quer dizer que você pode se sentir mais poderoso antes de uma apresentação em público ou mais confiante antes de pedir um aumento.

Vamos colocar essas atividades em prática?

Fonte.

Deixe uma resposta