6 dicas simples para treinar sua voz para apresentações

Você presta atenção na sua própria voz quando está falando? Faz pausas entre as ideias, respira e pronuncia as palavras com clareza?

Treinar o uso da voz é importante não apenas para que o orador seja ouvido com clareza por todos, mas também para aumentar a persuasão do discurso. Confira algumas dicas que selecionamos:

1. Fale pausadamente e com bastante clareza

A utilização de pausas, silêncio e respiração colabora para que as palavras sejam ditas com clareza. Encontre um ritmo adequado para que suas ideias sejam captadas pela plateia. Não fale muito rápido ou muito devagar. Equilíbrio sempre!

2. Sinta como se fossem suas ideias

Procure sempre acreditar naquilo que você está falando, mesmo se forem ideias de outras pessoas. Exclui-se aqui a ideia de plágio. Acreditar nas palavras transmitidas para a audiência é diferente de não dar os créditos. É importante que sua fala transpareça autenticidade.

3. Imagine uma grande plateia

Durante o treinamento da voz é importante utilizar a imaginação como apoio. Você nunca estará sozinho em sua sala ou quarto. Sempre deve imaginar que está apresentando para uma grande plateia.

4. Teste “suas vozes”

Escute sua própria voz em diferentes tons e volumes. Preste atenção nas mesmas palavras ditas de formas diferentes. Assim, você encontrará aquela que melhor combina com a sua apresentação.

5. Dê a cada ideia a ênfase correspondente

Frases diferentes possuem ideias diferentes e, consequentemente, uma nova interpretação. Utilize sua voz para transmitir emoção, medo, surpresa, curiosidade. Isso ajuda a captar a atenção da plateia.

6. Mude o tom da voz

Evite utilizar o mesmo tom durante toda a apresentação. Coloque sentimento no seu discurso e busque sempre captar a atenção da plateia. Utilizar o mesmo tom terá efeito contrário.

São dicas bem simples que fazem toda a diferença na hora de conquistar sua plateia. Lembre-se: sempre escute sua própria voz, experimente e treine com antecedência.

Deixe uma resposta